7 de dezembro de 2016

Resenha: Não se enrola, não


Título: Não se enrola, não
Autora: Isabela Freitas
Editora: Intrínseca
Páginas: 224
Sinopse: Decidida a perseguir seus sonhos, Isa abandona o curso de direito, deixa a casa dos pais, em Juiz de Fora (MG), e se muda para São Paulo tão logo conquista um emprego numa badalada revista on-line. Enquanto se adapta aos novos tempos numa quitinete no Baio Augusta, Isabela escreve o primeiro livro.
Seria perfeito s no apartamento em frente não morasse o envolvente Pedro Miller e os dois se embolassem regularmente sob o mesmo lençol. Não, não é namoro. Não, não é apenas amizade. É algo muito mais enrolado, um relacionamento sem um nome definido. Um “isso”, como diz a personagem. Embora não tenha coragem de confessar seus sentimentos, Isabela sabe que está perdidamente apaixonada pelo seu melhor amigo.
Após Não se apega, não e a seqüência, Não se iluda, não, Isabela Freitas mostra neste livro os primeiros passos de seus personagens na vida adulta, com toda a independência e as responsabilidades que ela proporciona.


Resenha:
“Tudo aqui é intenso.
“Do amor ao desprezo, sempre sinto muito.”

Isa ficou famosa com seu blog “Garota preto e branco” e a sua vida sofreu uma grande reviravolta que nem ela poderia imaginar. Agora nossa protagonista está morando em São Paulo, tendo que se dividir entre as responsabilidades que a independência lhe trouxe, o trabalho em uma grande revista on-line, a saudade de suas amigas e de casa, e claro, escrever o seu primeiro livro. Mas Isa não está completamente sozinha, Pedro Miller, esse mesmo, o “melhor amigo”, a fim de focar na sua carreira de cantor também se mudou para São Paulo, mais precisamente, para um apartamento em frente a da Isa. É finalmente a gente vai descobrir o desfecho da história desses dois.
Quando li Não se apega, não eu consegui me identificar e muito com a personagem. Afinal ela tinha coisas bem comuns comigo, a facilidade para se apaixonar e idealizar como príncipes cada um dos garotos que conhecia, e depois achar que ia morrer a cada decepção “amorosa”, isso era bem a minha cara na adolescência. Porém a personagem cresce ao longo de seus livros, e teoricamente amadurece. E acredito que esse pseudo-amadurecimento fica ainda mais visível em seu terceiro livro, que é quando a personagem começa a cometer burradas atrás de burradas para justificar erros que nem sequer deveriam ter acontecido, e que de certa forma a gente não espera que seja cometido por uma mulher adulta, segura, independente, enfim, tudo que Isa diz esta se tornando ao longo da trilogia.

“Sou o tipo de pessoa que está sempre a um passo de jogar tudo para o alto.”

Quem tá esperando uma Isabela segura de si e de seus atos, principalmente em relação ao amor, preciso dizer que não será isso que vão encontrar nesse livro. Se por um lado a personagem amadureceu e está pronta para encarar alguns desafios, por outro ela continua tão insegura e cometendo erros que poderiam facilmente ser resolvidos numa conversa, principalmente sua questões com o Pedro, que antes de tudo é seu amigo, sem contar que essa é a atitude que se espera de uma mulher adulta e independente. Porém cerca de 90% livro agindo como um adolescente fugindo de seus problemas de forma cada vez mais infantil.
Não se enrola, não segue o mesmo ritmo e a mesma forma de desenvolvimento que os livros anteriores da séria, com uma mistura de auto-ajuda e comédia, o que acaba tornando a leitura rápida e fluido, sendo possível a conclusão dentro de poucas horas.
Não vou bancar a hipócrita e dizer como um todo o livro é ruim, na verdade ele é bem satisfatório, e apesar de ser recheado de frases prontas e totalmente previsível do inicio ao fim, ele tem sim a capacidade de prender o leitor e proporcionar uma leitura que valha a pena. Recomendo.

“Não deixe para lá quem você quer que fique para sempre.”

39 comentários:

  1. Ola
    Adorei poder conferir suas impressões a respeito desse livro. Eu já li os anteriores e gosto bastante da escrita dela. Espero poder fazer essa leitura em breve também. Imagino mesmo que segue o mesmo ritmo, por isso ja sei que irei gostar. Os elementos de auto ajuda me instigam bastante nesse tipo de narração.
    beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu nunca li nenhum dos livros dessa série, mas ano passado eu via 2 livros a cada metro quadrado lá na minha escola kkk, tipo todo mundo está lendo essa garota. Tanto que ela chegou a ganhar uma ministério do fantástico. É uma néon quero livro não tenha dado muito certo pra ti,,mas mesmo assim foi uma leitura bem okay. Adorei a capa desse livro, é a mais bonita da série. Até mais ver
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho os dois primeiros autografados até, mas não li nenhum ainda. Assisti a série me diverti mas não me vejo lendo eles, não por agora, essa pegada de infantilidade que a protagonista tem não me enche os olhos. Mas espero um ia sentar e dar a chance para a leitura. Quem sabe não é?

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Oiii, tudo bem?
    Eu só li o primeiro livro da Isabela, e confesso que não sou tão chegada nas histórias e frases que ela escreve, normalmente encontramos em qualquer site aalog assim de autoajuda. Parabéns pela resenha que ficou demais!
    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Oie!
    Nunca li nenhum dos livros da Isabela. Apesar de gostar das crônicas, acho os títulos e as temáticas pouco atraentes. De qualquer forma, sempre leio uma coisa ou outra dela e pela sua resenha gostei de saber que ela está com a guarda mais baixa.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. É o tipo de livro que eu não leria, embora ache a proposta excelente. Inclusive, acho a autora muito carismática e inteligente. Acho que este e os outros livros dela, são excelentes presentes de natal.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá amore,
    Aiii quero tanto esse livro... Li os outros dois livros da Isa, acompanho ela nas redes sociais e simplesmente amooo.
    Aiii lendo sua resenha fiquei ainda mais curiosa pela leitura.

    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi, confesso que desde que lançaram e foi um sucesso os livros dela eu nunca tive a curiosidade de pegar para saber mais ou ler. Tanto que nem sabia que tinha uma protagonista que narrava uma história, eu achei que era ela contando experiências e dando dicas para as mulheres, e só agora vi que não é bem assim. Acho que pode ser interessante, mesmo com toda a previsibilidade e frases prontas, mas no momento acho que não é a leitura certa para mim então passarei a dica!
    Um beijo
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  9. Ola, tudo bem?
    Nossa vou confessar que sua resenha me deixou super desanimada com a leitura. Só tinha ouvido maravilhas sobre esse livro até agora, mas achei você mais sincera, mais pé no chão. Não que eu me incomode com clichês ou frases prontas mas estou em um ritmo de leituras que me surpreendam. Enfim amei a resenha, vou decidir sobre essa leitura depois. Beijos

    ResponderExcluir
  10. Bom, claro que toda opinião é própria e deve ser respeitada, MAS COMO VOCÊ PODE NÃO AMAR ESSES LIVROS?? Tudo bem, até concordo (um pouco) com o toque de infantilidade do livro, mas acho que é a simples realidade sendo retratada. Quem, no auge de seus 20 e tantos anos, não foge de uma conversa difícil, não dá uma escondida nos sentimentos achando que vai evitar se magoar e magoar outra pessoa, não reclama e ao mesmo tempo adora a vida morando sozinho? Acho que essa insegurança (ou pelo menos um pouco dela) e esse lado "infantil" nunca abandona a gente, e talvez isso não seja de todo ruim :)

    ResponderExcluir
  11. não li o primeiro livro, e não tenho interesse em ler o segundo. Não gosto de enredos com frases prontas, além do a proposta dele não é atraente pra mim, por mais que a escrita da autora seja envolvente, eu passo essa sugestão.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  12. Olá,
    Por enquanto não consegui ter curiosidade para ler essa série e acompanhar Isa em suas aventuras. Mesmo sendo uma leitura satisfatória, não pretendo fazer a leitura de nenhum dos volumes da série. Estou focada no momento em leituras de obras que me tirem da zona de conforto.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oie Aline!
    Ainda não li nenhum dos livros da Isabela mas vejo que tem feito bastante sucesso, né? Acredito que não tenha lido pois não é um tipo de leitura q curto muito.
    Tenho amigas que já leram e até me recomendaram, mas mesmo depois da sua resenha, não me senti animada pra ler. Pelo menos por agora não.
    Bjo

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bem?

    Eu nunca li nenhum dos livros da minha conterrânea, mas já dei de presente para a minha namorada. Acho as capas atraentes, porém não tenho vontade de ler as obras dela, não acho interessantes, isso devido ao meu gosto literário, algo que acaba me afastando. Vi que achou a leitura satisfatória, então ainda está bom! rssss
    Bjuss

    ResponderExcluir
  15. Oie...
    Eu nunca li nenhum livro da Isabela Freitas, mas, assisti aquela série do Fantástico baseada em NÃO SE APEGA, NÃO e amei demais, tanto que comprei os dois primeiros volumes da série, mas, infelizmente, ainda não li nenhum :(
    É uma pena esse terceiro volume não ter sido tão bom pra você, geralmente quando o autor estica demais um livro algo nele sai prejudicado...
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Olá. Eu amo. Isabela e o jeito irreverente e engraçado dela escrever. Eu li o outro livro dessa serie que é o Não de Apega não é gostei demais. Depois ela me conquistou com o Não se Iluda não. É claro que eu quero Ler esse livro.

    Confesso que fico até pensando se a Isabela do livro não tem.muitas coisas baseadas na própria Isabela Freitas. Será??

    Beijoe

    ResponderExcluir
  17. Olá Aline,
    Conheço os livros dessa série, mas não tenho vontade de ler eles, infelizmente.
    Acho que entendo que você não tenha se identificado com a personagem e que esse livro segue um ritmo diferente, mas, ainda assim, não me sinto impelida a ler, sabe?
    Acho que nossas impressões serão parecidas e não vejo isso sendo agradável.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  18. Ano que vem pretendo ler essa série. Justamente por ser uma leitura leve, leio tanto livro denso que de vez em quando mudo de frequência rs Acredito que irei gostar da série, tomara rs

    |amorlivresco.wordpress.com|

    ResponderExcluir
  19. Olá!A sinopse chegou a me deixar curiosa, mas suas considerações e alguns comentários sobre de quem já leu, já me fez deixar de lado uma possível leitura.
    Bjs

    ResponderExcluir
  20. Oi Aline,
    O livro não faz muito meu estilo. Gostei da resenha sincera, principalmente quando disse que ela amadurece em certo ponto, mas continua insegura em relação ao amor.
    Vou deixar a dica passar.
    Beijos,
    André, do Garotos Perdidos
    Não deixe de conferir o novo layout do blog :}

    ResponderExcluir
  21. Oi.
    Admito que sempre vejo essa série por aí, mas nunca tive interesse em ver do que se trata.
    Me identifiquei com o abandono do curso de direito para trabalhar no que realmente gosta e escrever um livro. Pretendo fazer algo parecido em breve.
    Desanimei um pouco ao saber que a personagem age como uma adolescente que foge dos problemas.
    E gostei de ser uma leitura divertida e despretensiosa. É ótimo ter um livro assim para ler de vez em quando, quando as coisas ficam difíceis.
    Gostei de saber mais sobre a série.

    ResponderExcluir
  22. Eu gostei do primeiro livro dela, mas depois eu comecei a achar a narrativa muito repetitiva, bem mais do mesmo.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Oi!

    Sinceramente, eu TENHO PREGUIÇA desses livros e dessa autora. Não vou com a cara dela e ainda lançou livros com um monte de cagação de regra e frases prontas... Sinceramente. Haha não compro esse livro de jeito nenhum Haha. Adorei sua resenha!

    bjs

    ResponderExcluir
  24. Tenho visto tanto sobre esse livro. Acho o título e capa e tudo muito bonitinho. Quem sabe um dia eu me interesse por ele. Gostei da sua resenha, mas a obra, eu passo.

    ResponderExcluir
  25. Não curto livros com frases prontas e previsíveis desse jeito, e pra ser bem sincera os livros da autora nunca me atraíram. Agora, sabendo desse pseudo-amadurecimento, com burradas atrás de burradas e atitudes infantis e fuga dia problemas, aí que não quero ler de jeito nenhum.

    ResponderExcluir
  26. Olá, tudo bem?
    Não gosto da escrita de Isabela, acho a escrita dela cansativa e concordei com vários pontos que você citou nesta resenha.
    Não gosto de personagens inseguros, e que muitas vezes não se dão valor.

    ResponderExcluir
  27. Olá, tudo bom?
    Só li o primeiro livro dessa série e já parei por ele. Todos os problemas que encontrei na primeira leitura continua nos exemplares posteriores, pelo que deu para perceber por sua resenha. A gente passa o livro todo esperando o amadurecimento da personagem para ela agir como uma adolescente na maior parte do livro e o primeiro, sinceramente, me deixou com a impressão de que a personagem no fundo não aprendeu nada. Para mim é só um livro engraçado recheado de frases feitas, infelizmente. Gostei muito da sua resenha sincera!

    Beijos
    Pollyanna Campos - Entre Livros e Personagens
    https://entrelivrosepersonagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Comprei o primeiro volume dos livros da autora, na época tinha muita gente falando o quanto o livro era bom etc.
    Não gostei, acho que se ela fosse só pro lado chick lit e deixasse o auto ajuda ficaria ate bom, porém não pretendo ler os outros livros dela.

    ResponderExcluir
  29. Oiee Aline,
    Então, essa é uma série de livros que não me chamam a atenção e nunca conseguiram despertar meu interesse, apesar das capas bonitinhas estão lá na minha lista do nem li e nem lerei e a cada resenha que leio se solidificam lá, não são o tipo de livro que façam meu gênero. Gostei muito da sua resenha sincera. Beijooos
    Conversas de Alcova ♥

    ResponderExcluir
  30. Oie!!!
    Eu não li os livros anteriores justamente por achar o enredo bem direcionado ao público adolescente, então quando li a sinopse deste achei que o livro seria um pouco diferente dos anteriores e sua resenha colocou abaixo todas as minhas esperanças.
    Imagino que, conforme você mencionou, este seja um livro leve e até divertido de ser lido, mas se 90% das ações dela são infantis eu vou deixar passar a sua fi a pra quando estiver numa vibe teen.
    Valeu pela dica e pela sinceridade ao resenhar o livro!
    Bjinhos ;)
    Elaine M. Escovedo
    Caminhando Entre Livros
    Http://www.caminhandoentrelivros.com.br

    ResponderExcluir
  31. Olá!
    Eu comecei a ler "Não se apega, não", mas a leitura não fluiu pra mim, abandonei logo nas primeiras páginas. Achei bem legal a presença do humor, isso não devo negar, mas a questão da auto ajuda que pegou, não consigo ler essas coisas, a leitura realmente não deu certo. Até tenho vontade de continuar a ler, mas vai ficar para outro momento.
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  32. Oi!!
    Eu nunca li nada da autora, e não sei porque esses títulos não chamam a minha atenção. Acho que minha sobrinha se identificaria mais com a leitura, vou passar a dica para ela.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  33. Oi Aline.
    Eu ainda não li o primeiro livro, mas quero muito ler porque assim como você, sei que vou me identificar bastante com a protagonista em alguns pontos.
    No entanto, vai ser um desafio passar por tantas frases prontas em um único livro, isso me irrita um pouco, rs.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  34. Oiee ^^
    Eu só li os dois primeiros livros. Adorei o primeiro, mas gostei do segundo. Achei um pouco repetitivo, e fiquei ainda mais cansada quando vi que este outro tinha sido lançado. Nem vontade de lê-lo eu tenho...hehe' O que eu mais gostei nos outros livros foi a forma humorada como a Isabela escreve, mas não tenho vontade de ler "Não se enrola, não" *-*
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  35. Olá!
    Ainda não li nenhum dos livros, mas sempre me deparo com críticas muito boas sobre eles. Adoro personagens que vão amadurecendo e crescendo ao longo da história.
    Sua dica está mais do que anotada. Acho que vou fazer desse livro a minha próxima leitura.
    Bjs

    ResponderExcluir
  36. Olá!
    Gostei da sua resenha e da sua opinião sincera.
    Os livros da autora nunca me chamaram a atenção por ter esse q de auto-ajuda. Mas não digo que nunca irei lê-los, só por agora, não leria.

    Beijos,
    Tabatha Cuzziol
    Blog e Canal Floretizas - http://floretizas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  37. Olá!!!
    De todas as resenhas que já vi dos livros da Isabela Freitas o seu foi o único positivo..tanto que desisti da leitura logo no 1 livro. Mas por enquanto no momento irei passar essa leitura..quem sabe beeem mais pra rente eu mude de ideia e resolva iniciar essa leitura!! Por hora eu passo!!

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2016/12/resenha-dez-formas-de-fazer-um-coracao.html

    ResponderExcluir
  38. Oie,
    A Isa do livro é tão parecida com a real. Uma pena saber que ela acabou seu relacionamento, mas o bacana é vê sua trajetória. Em uma entrevista ela dizia que queria apenas publicar seu livro, mas n sabia que ele teria uma repercussão tão grande que a fizesse escrever mais dois.
    Ainda não li esse livro e pretendo colocá-lo como meta para ano que vem.
    Abcs,
    Amanda M.

    ResponderExcluir
  39. Ola

    Vejo muitas pessoas lendo esse livro mais não tenho animo para ler esse livro,nao acho o titulo atraente,apesar de ser escritora ser bem carismatica
    Amei o seu modelo de resenha

    ResponderExcluir