Light Grey Pointer Uma vida Literária : Resenha: Louca Comibação

3 de fevereiro de 2017

Resenha: Louca Comibação


Título: Louca Combinação
Autora: Talita Correia
Páginas: 300
Ano: 2016
Editora: Amazon
Sinopse: Abby - Você já fez aquela burrada? Aquela que muda a sua vida para sempre? Tipo cair na farra, beber todas, ir para a casa de um estranho e terminar grávida de um ilustre desconhecido que você nem lembra o rosto? Pois é... eu meio que fiz isso, e por mais que todos tenham apontado o caminho fácil, agora eu sou mãe, solteira. Mãe de um pequeno monstrinho ciumento que não deixa nenhum homem chegar perto, nem mesmo o meu namorado! Até que meu anjinho conhece o meu novo vizinho e, misteriosamente, faz questão que eu namore com ele.

Chris - Rico, confere. Lindo, confere. Médico, confere. Eu sei que sou material de sonhos de muitas mulheres e nunca fui contra usar isso a meu favor. Eu tive muitas mulheres, elas estavam se oferecendo e eu não sou um homem que diz não, menos quando se trata de compromisso, aí o não é automático. Agora meu pai está com raiva do meu comportamento e exige que eu mude ou eu vou ser retirado do testamento. Eu tenho 12 meses para provar que sou um novo homem, mas enquanto isso posso conhecer melhor a nova vizinha e aquela adorável pestinha do filho dela. Talvez vir para Solares acabe por se tornar algo divertido


Resenha - Oi, pessoal! Vim resenhar pra vocês hoje um livro que li em tempo recorde - levando em conta o nível do final de período pelo qual passei hahaha. Louca Combinação é o primeiro livro da série Solares, escrita pela parceira do blog, Talita Correia, e conta a história de Abby e Chris. A primeira impressão que tive foi a de que esses dois estavam destinados a ficar juntos, são um casal engraçado, romântico ao estilo deles e muito, muito companheiros.
       A narrativa começa em uma festa que tocava uma banda cover de rock. Abby, Brianna e Jéssica dançavam como se não houvesse amanhã. Eram amigas inseparáveis e com futuros garantidos: Bri, rica e loira, vai viajar o mundo com o namorado; Abby e Jéssica sairão da pequena cidade de Solares rumo à capital, uma para trabalhar na área administrativa do Hospital Teles - um dos maiores da região -, outra seria advogada de algum amigo do pai dela. Tudo certo, não é?
      Bom, para Brianna e Jéssica, sim. Abby, que já tinha bebido mais do que estava acostumada, começou a flertar com Chris, nessa festa, um cara muito, muito, muito gato, mas também extremamente convencido. Ele vai falar com ela e acabam descobrindo uma grande atração entre eles. Chris a leva para o apartamento dele, perto da praia, onde conseguiram ter total privacidade para apagar o fogo um do outro... No entanto, ambos, mesmo depois de beberem tanto, sentiram que houve algo diferente naquela noite. Chris, o mulherengo, sentiu-se balançado com a morena que estava na casa dele. No caminho da cama até o banheiro pensou que poderia pedir o número dela, quem sabe sairiam outras vezes... Porém, quando voltou ao quarto, Abby havia sumido. 
       Ela também sentira uma ligação forte com o rapaz, mas sabia que estava bêbada e nunca mais o veria. Fizera uma loucura, nunca antes feita... Fugiu do apartamento de Chris e só descobriu a consequência daquela noite algumas semanas depois: Abby estava grávida. Estava com 21 anos, pronta para iniciar a carreira profissional, grávida de um homem que viu somente uma vez... Sentiu pena? Bom, no começo eu tive, mas fui vendo a mulher forte e determinada que Abigail era. Sem o mínimo de drama, levou a gravidez sem se inclinar para o aborto - oferta feita pela mãe do namorado de infância dela, namoro que acabou recomeçando pela situação. Abby teve ajuda também de seu pai, que a abandonara quando ainda era um bebê, mas que se arrependera do que havia feito. 
       Cinco anos depois de toda essa loucura, Abby passou a trabalhar como secretária do prefeito (seu namorado desde a adolescência, muito problemático: "precisamos falar sobre Rafael"), e a morar com o pequeno Léo e o pai dela, Raul, na pequena cidade de Solares, pois o plano de ir para a capital foi por água abaixo. Um belo dia, antes de ir pra escola, Leo escuta o barulho de uma moto, algo pelo qual é apaixonado assim como avô, que trabalha em uma oficina. É o novo vizinho, que coincidentemente, é o novo médico da cidade, que Abby vai recepcionar em algumas horas. Já no hospital, ela lê rapidamente a ficha do rapaz e toma um susto:


"Isso não podia acontecer! Doutor Cristóvão Teles. Li o nome dele inúmeras vezes ao longo desse último mês, mas nunca vi nenhuma foto. Na verdade, com esse nome e pela maneira que Rafael falava, eu acreditava se tratar de um médico experiente. Não me preocupei nem mesmo em olhar a ficha dele. [...] O que eu vou fazer agora? E se ele me reconhecer? Ai meu Deus!"

       Sim. É o pai do Leo, Abby, e agora você está enrolada. Antes de ler o livro, li algumas resenhas sobre e fiquei muito revoltada com o fato de uma delas ter essa informação, achei que fosse um spoiler enorme, mas depois de ter lido o livro todo, eu concordei com a explicação da autora. É, eu acabei mandando mensagem pra autora para desabafar sobre o spoiler que eu tinha lido sem aviso. Ela gentilmente me disse que não era pra eu me preocupar tanto, o livro continha muitas outras reviravoltas e a história não girava só em torno do vizinho/médico ser o pai do Léo. 
      Esses autores... Talita estava certíssima! O livro conta ainda com muito enredo. Rafael, o namorado de Abby, prefeito de Solares, é realmente muito problemático. Ter conhecido o personagem me trouxe lembranças muito ruins do último namoro: relacionamento tóxico, abusivo. A ligação entre Raul e Abby, criada muitos anos depois do nascimento dela, é muito profunda e tocante; assim como Leo e Chris, que não se conheciam desde sempre, mas passaram a se amar no momento em que se viram. Além disso, houve o crescimento pessoal de Chris durante a história, que era excessivamente metido e orgulhoso e conseguiu amadurecer, principalmente enxergar o que é realmente essencial para viver. E a inegável combinação que ele e Abby tinham, quando se conheceram, foi uma loucura, quando se reencontraram, foi mais uma... Sem dúvidas, um feito pro outro.
       Enfim, Louca Combinação tem uma sinopse bastante real, que me deixou muito curiosa desde a primeira vez que li e não me contive para procurar a autora, para saber mais. Tem um contexto muito inteligente, cenas muito bem escritas e personagens contagiantes, profundos, intensos. É difícil dizer o que você deve esperar desse livro, mas o que pode ter certeza é que nada é raso/superficial, não dá pra não se envolver. E, pra terminar, Solares é uma coleção, e já podem procurar o livro 2, Novamente Atraídos. Já li comentários incríveis sobre o livro e estou muito curiosa para continuar!

22 comentários:

  1. Oi Isa
    Que resenha linda! E sim, precisamos falar sobre o Rafael! O que ten de Rafael por aí no mundo não é brincadeira, obsessivo e ciumentos!
    Eu fiquei super feliz com a resenha e suas palavras, muito obrigado por me procurar!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por nada! Foi um prazer ler o livro, simples e emocionantemente agitado!! kkk
      bjs!

      Excluir
  2. Olá Isa...
    Ameiii a resenha... Amooo esse livro e as 5 estrelas são mais q merecidas...E te garanto q se tivesse mais estrelas eu dava ;-)...Torcendo muito pra vê-lo (e tê-lo,claro) em livro físico!!!
    Bjs :-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagina! Ia adorar o físico desse livro!!!
      bjss

      Excluir
  3. Olá adorei a resenha. O livro da Talita tem uma história realmente emocionante, e os personagens são tão reais que até nos lembram pessoasvque conhecemos ne?!
    Adorei a resenha!
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Que maravilhosa resenha !
    Está de parabéns!
    E sobre o livro realmente é maravilhoso,me apaixonei por cada personagem e também me revoltei com alguns,mas essa é a magia que essa linda e amiga autora conseguiu arrancar de nós leitores. Uma história cheia de amor e ódio que perfeitamente nos prende a cada capítulo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim... exatamente! São personagens muito criativos!!!
      bjss

      Excluir
  5. Olá Isa, como vai?
    Nossa amei essa história, achei bem diferente de qualquer livro que já li apesar da temática não ser tão desconhecida assim né?!
    Gostei da forma como expôs suas reflexões sobre o livro mas sem dar spoiler.
    Pretendo ler em breve.
    Parabéns.
    Beijohttps://qadulta.blogspot.com.br/2017/02/serie-santa-clarita-diet.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é bastante original sim, acho que foi o que mais me chamou atenção para começar a ler... Depois foi só amor! hahaha bjs

      Excluir
  6. Oi, tudo bem?
    Não conhecia essa série e nem a autora, mas sua resenha me deixou interessada em ler. Confesso que assim que li a sinopse já desconfiei de quem seria o pai do menino kkkk. Mas, como você disse que tem outras reviravoltas na história, fiquei curiosa para saber o que acontece. Com certeza, vou querer ler. Dica anotada.
    Adorei sua resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Esse é meu primeiro contato com a obra e nossa coitada engravidou de um total desconhecido??? Bom besteiras a parte parece que essa mão deu a volta por cima, o bastante para notar seu incrível vizinho. Acho que essa história promete em. Adorei
    Beijuh

    ResponderExcluir
  8. Olá amore,
    Primeiro parabéns pelo blog e pela resenha muito delícia de ser lida!
    Quero muito ler esse livro já, que capa mais linda... e pelo que pude ler em sua resenha parece ser muito bom o livro – dica anotada!

    Beijokas!

    ResponderExcluir
  9. Oi Isa, tudo bem?

    Mulher, sua resenha ficou espetacular. Fui fisgada e já quero ler esse livro. O livro parece ter un pé no clichê, mas contando que tem todas as reviravoltas que você citou, a leitura deve ser envolvente e nem percebemos o final do livro. Fiquei curiosa para ver como ela irá reagir com o pai do filho tão perto e principalmente para ver como será construída a relação de pai e filho. A parte do relacionamento abusivo é algo muito legal para retratar, precisa-se alertar mais as mulheres.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Que bom que gostou, vi muito além do romance, tem questões muito interessantes pra discutir..
      bjss

      Excluir
  10. Olá Isa, não conhecia o livro e nem a autora e pelos seus comentários a trama parece ser muito bem elaborada, mas um tanto clichê *-* Enfim, vou anotar a dica e se tiver uma chance pretendo lê-lo.

    Meu Mundo, Meu Estilo

    ResponderExcluir
  11. Oi Isa,
    Como assim ainda não conhecia esse livro?
    Adorei conhecer suas impressões e fiquei bem curiosa para saber o que acontece nessa estória, pois parece ser muito legal. Achei muito legal você ter lido ele em tempo recorde e fiquei bem curiosa para saber o que eu vou achar, porque, óbvio, anotei a dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Gostei muito da sua resenha, mas eu gostei mesmo de vc ter dito que é uma escrita inteligente. Odeio quando a história é boa mas os argumentos são falhos. Me animei em começar a ler está série Obrigada pela resenha,

    ResponderExcluir
  13. Oiii, tudo bem?
    Menina achei esse livro de tirar o fôlego, com toda certeza adoraria conhecê-lo e ler, estou precisando de alguns romances que me tirei dessa ressaca, não estou conseguindo ler direito a alguns dias já.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  14. Olá.
    Eu nunca tinha ouvido falar deste livro ou desta série antes, mas agora fiquei louca para ler. Sempre gostei de livros que tenham crianças, pois eu amo crianças e eles sempre fazem o livro ficar mais inocente e delicado <3
    Eu também adoro livros com essa premissa e mal posso esperar para ler. Já esta na minha lista.
    Adorei a resenha.
    Bjssss

    ResponderExcluir
  15. Oie tudo bem?
    Não tinha ouvido falar desse livro, mas nas primeiras linhas já me conquistou!
    Adorei a sua resenha, ela foi bem esclarecedora para mim saber se iria gostar do livro ou não...
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Eu não conhecia o livro, mas achei a premissa bem parecida com outro que eu li - Malicias e Delicias. Não que sejam bem iguais, mas esse lance de uma noite, engravidar e anos depois dar de cara com o pai do bebê é igual. Mas, pela sua resenha, ainda tem muito o que rolar e os personagens são bem diferentes, o que me faz querer ler já que eu curti o outro...
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  17. Olá Isa, tudo bem?

    O livro até tem um enredo bacana, mas não foi algo que chamasse realmente minha atenção a ponto de largar tudo e comprá-lo.

    Ps: o título da resenha tá com um errinho no título do livro, ok?

    Beijos

    ResponderExcluir