17 de setembro de 2016

Resenha: Livro das Sombras (série Coven)


Título: Livro das Sombras (série Coven, volume 1)
Autora: Cate Tiernan
Editora: Galera
Páginas: 207
Gênero: Fantasia Sobrenatural, infanto juvenil
Sinopse: Morgana e a melhor amiga, Bree, são apresentadas ao universo Wicca quando Cal, um veterano - e gato -, convida ambas para seu coven. Morgana aceita e logo se apaixona por ele... assim como sua melhor amiga. Porém, por mais que esteja disposta a ignorar seus sentimentos em função da amizade, parece que isso não depende dela. A ligação entre eles se mostra mais forte do que todos esperavam, assim como a magia que os cerca.

"Por que os nomes dos esbats e festivais pareciam lembranças profundamente enterradas em minha mente? Nunca considerei muito a possibilidade de haver vidas passadas, mas agora, quem sabe ?" 

Resenha

Morgana Rowlands se considera uma garota normal e nada interessante para nenhum dos garotos do colégio e se intitula como "a garota que os garotos nunca olham duas vezes". Sua melhor amiga, Bree, é descrita como maravilhosa e estonteante, aquela que já teve vários namorados e por quem a maioria dos garotos morrem de amores. Apesar de serem tão diferentes, elas se conhecem desde a infância, são inseparáveis e dividem todos os segredos, mas isto estará prestes a mudar em breve.
Morgana leva uma vida comum, passando o tempo na Escola Widow's Vale, saindo com os amigos e indo á igreja todos os domingos com a família, nada fora do comum ou extraordinário para uma garota de 16 anos.
Tudo muda, quando em uma tipica manhã estudantil, Cal Blaire muda-se para Widow's Vale e começa a frequentar o mesmo colégio que Morgana e Bree. O alvoroço entre as garotas da escola é perceptível para todos, e isso não é diferente com as duas. 
Bree se encanta de primeira pela beleza de Cal e mesmo namorando com outro garoto na época, ela já coloca em sua cabeça a ideia de tê-lo a qualquer custo. Morgana se encanta também, pela primeira vez em sua vida, mas o sentimento dela é descrito como puro e mágico, não somente uma atração física, e sim algo muito maior.

"Foi como nos filmes, quando tudo sai de foco, todos ficam em silêncio e o tempo para enquanto você tenta entender o que está olhando. Foi exatamente essa sensação que tive ao ver Cal Blaire subir os degraus largos e gastos da Escola Widow's Vale." - Morgana Rowlands (pág. 11)

Sabendo que nunca teria uma chance com Cal Blaire, Morgana começa a parar de alimentar qualquer sentimento por ele.
Aparentemente, o livro pode parecer tratar somente de um romance/triângulo amoroso entre adolescentes, mas a série traz um assunto bem maior e desconhecido pela maioria das pessoas: a religião Wicca.
Cal Blaire é wiccano, assim como toda a sua família, e conforme vai se adaptando á escola e aos novos amigos, ele começa a explicar um pouco sobre a Wicca e até os convida para os círculos mágicos e comemorações wiccanas (sabbats).
No começo, alguns estranham e até mesmo desistem de continuar frequentando e aprendendo sobre a Wicca, mas os que permanecem logo criam laços fortes e um grande interesse pela religião.
É o caso de Morgana, Bree e alguns outros alunos da escola. Morgana, realmente começa a sentir uma ligação extremamente forte e inexplicável pela wicca, e Bree se interessa mais por ser a religião de Cal e por querer ter algo em comum com o garoto.
Após o primeiro círculo organizado por Cal, onde eles começam a banir aquilo de que querem se livrar em suas vidas, Morgana bane as limitações e, logo em seguida tem a certeza de que aquilo tudo faz e sempre fez parte dela.


"Fechei os olhos e percebi que podia ouvir separadamente cada um dos sons da noite: insetos, animais, pássaros, a respiração de meus amigos e o delicado ruído de meu sangue correndo em minhas veias." - Morgana (pág. 43)

Coisas estranhas começam a acontecer em sua vida, como prever os números dos três hinos que cantariam na igreja na manhã seguinte ao círculo, mas Morgana prefere acreditar que se tratou apenas de uma coincidência e de que não existe algo paranormal dentro dela.
Então, eles formam um coven (clã) e começam a se reunir para os círculos mágicos, rituais e sabbats. No decorrer da história, Cal vai ensinando tudo aquilo que já estudou sobre a wicca e os novos membros do clã também começam a ler livros e artigos para maior conhecimento do assunto.
Morgana e Bree descobrem uma livraria ocultista, repleta de artigos/materiais e livros wiccanos. O balconista da loja observa Morgana de uma forma diferente, como se soubesse algo dela que nem ela própria sabia. Elas compram livros e outros artigos e começam a estudar sobre as origens da Wicca.
O sentimento de Morgana por Cal continua crescendo e ela ainda não contou sobre isso para Bree, e não tem coragem de fazê-lo, pois sabe que se Bree se interessou por Cal, ela não teria chance alguma contra a amiga.
Quando Morgana descobre que Bree está apaixonada por Cal, ela guarda o seu sentimento no bolso e o tranca a sete chaves, para não interferir no que ela sabia que aconteceria com os dois, já que os garotos sempre ficam com Bree.
Mas ao contrário do que ela pensava, Cal não é igual aos outros e o sentimento dela por ele não é algo que se pode esconder por tanto tempo. 

"A frustração me dá vontade de uivar. Ela não vem até mim. Sei que não posso obrigá-la. Deusa, por favor, me dê um sinal" - Cal Blaire (pág. 134)

Quando os pais de Morgana descobrem os livros sobre Wicca no quarto dela, eles surtam e se inicia um grande conflito familiar, como se eles, assim como o balconista da livraria, soubessem de algo e quissesem esconder dela de qualquer forma.
Morgana acredita que tal revolta sobre a descoberta dos livros, seja pelo fato deles serem católicos fervorosos e não aceitarem que a filha optasse por outra religião.
Ela é proibida de ler sobre o assunto e de fazer qualquer coisa relacionada a wicca dentro da casa deles. Mas Morgana sabe que não irá conseguir obedecer as ordens, pois aquilo é algo que está dentro dela e ela não pode pará-lo.
Também se tem início a um conflito com a melhor amiga, Bree, que já está desconfiando de algum tipo de atração entre Morgana e Cal, e como ela nunca foi rejeitada por nenhum garoto antes, não consegue lidar com isso e fará de tudo para impedir.

"Quando respirei, aspirei a verdadeira essência da vida e expirei uma luz branca. Era lindo, mais do que lindo, mas eu não tinha palavras para expressar isso nem para mim mesma. Entendi tudo. Entendi meu lugar no universo. Entendi que caminho deveria seguir." - Morgana (pág. 206)


O que achei do livro

Eu amei a história de primeira. É um livro que me prendeu muito, não só por se tratar da religião que sigo, mas por todos os personagens e pela clareza com que a autora fala sobre a wicca, abordando os pontos principais de forma direta.
Claro que nem tudo é verídico, mas a ideia de mágica, os círculos e os sabbats são retratados da forma linda que realmente são.
No começo a história é meio parada, não acontecem coisas extraórdinárias tão rapidamente, mas no meio do livro as coisas mudam e começam a esquentar. Acredito que por ser o primeiro livro da série, ele é só uma introdução, e muita coisa ainda vai acontecer nos próximos volumes (que aguardo ansiosamente, rs). O dois me encantou mais ainda, é onde a história vai ganhando forma e tudo vai se encaixando aos poucos e em breve posto a resenha dele também.
É um livro gostoso de ler, tem uma linguagem de fácil entendimento e por mais que seja parado no começo, não é aquela coisa entediante e cansativa.
Vale a pena ler para conhecer um pouco mais sobre a Wicca, se encantar pelos personagens e se deliciar com o enredo.

Sobre a edição


Eu, particularmente, acho a capa linda. É tão delicada e fofa, além de ter o título em auto relevo, o que acho um charme. As páginas são amarelas, não cansa tanto a vista e a fonte é ótima para ler. 
Nessa primeira edição, o título dos capítulos vem acompanhados de frases diversas sobre a wicca e trechos dos livros das sombras (um caderno onde wiccanos escrevem suas impressões, feitiços, estudos e etc.) de Cal e Morgana.
A série é composta por 15 livros, que já foram publicados fora do Brasil, mas aqui temos somente até o volume dois (para minha tristeza, rs).

"Estou ficando louca? Estou mudando por dentro. Minha mente está se expandindo. Agora vejo em cores, não mais em preto e branco. Meu universo está se expandindo à velocidade da luz. Estou assustada." - Morgana (pág. 77).

20 comentários:

  1. Olá
    Também acho essa capa linda e delicada, e já fiz a leitura desse livro e adorei. Já li até o volume dois na verdade. É uma pena que sejam tantos livros em uma série só né... haja ansiedade!! Adorei poder ler seus comentários e poder relembrar um pouco desse cenário que particularmente gosto muito.
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Oi? Como assim quinze livros? Rsrsm, não sei lidar com isso kkk. Acredite ou não, mas eu nunca terminei uma série na minha vida, sempre deixo um ou dois livros faltando, imagina essa de 15? Kkkkk. Acho essa capa muito linda também. Gosto de livros nesse gênero. Adorei a resenha. Até mais vê
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Oie, a princípio eu realmente não leria por não curtir muito essa história de romance entre adolescentes, mas quando você comentou da wicca me despertou curiosidade. Eu não sei nada sobre a religião mas gosto de conhecer coisas diferentes, e acho que através de um romance seria muito bom, ao invés de ler livro técnico sobre o assunto. QUe pena que o primeiro livro foi parado mas quando se trata de série é normal essa introdução. Espero ler.

    ResponderExcluir
  4. Olá ♥
    Achei a capa maravilhosa e preciso desse livro para ontem. A premissa é muito convidativa amo esses romances sobrenaturais e ainda por cima tem magia é pra acabar com meu emocional mesmo rsrs. Fiquei super curiosa para conhecer um pouco mais sobre a religião citada, gosto quando livros nos ensina alguma coisa. Estou super ansiosa para leitura, espero voltar em breve aqui e ter resenha dos próximos livros. Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Olá Késsia,
    Nunca li nada sobre Wicca ou com personagens da religião e gostei muito da premissa do livro só por ter esse tema. Gostei de saber que é a religião que você possui e que a autora trabalhou bem sobre o tema no livro, mas desanimei completamente quando vi que a série tem 15 volumes. Sério, qual o problema de lançarem livros únicos?
    Vou deixar essa dica anotada, mas não devo fazer a leitura tão cedo.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  6. Oiee ^^
    Mais uma protagonista que se acha sem graça e que tem uma amiga fabulosa --' Eu ainda não conhecia este livro, e normalmente tento não julgar os livros pelas suas... clicheridades? Essa palavra nem deve existir, mas, enfim... Eu não curti muito a premissa dele, e, meu Deus, 15 livros? UAU! Agora que eu perdi a vontade de ler mesmo...hehe' *-*
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Nossa, a série tem 15 livros? Tomara que a editora lance todos por aqui, né? :( Eu adoro tramas com bruxaria e tudo mais, então fiquei interessada na obra. Gostei bastante da premissa e parece ser uma leitura bem envolvente. E o melhor que fico sabendo um pouco mais sobre a religião wicca.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  8. Fiquei bastante curiosa pra ler o livro, pois amei a capa, não o conhecia antes!
    Adorei saber que a leitura é bem leve e a escrita é de fácil entendimento.
    E mesmo sendo lento num primeiro instante, não é chato o livro inteiro.
    Eu já ouvi falar sobre a religião wicca, mas nunca li nada sobre ela.

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  9. Eu sou um admirador de wicca e um enredo assim por si só me chama a atenção. Nossa 15 livros?! Acho que os autores, dentro da necessidade de explicar muita coisa e fazer uma boa introdução no primeiro volume, acaba perdendo muitos leitores, devido a tornar a leitura um pouco arrastada. Quem já gosta do assunto, como você, não se incomoda, mas outros poderão se incomodar e deixar de acompanhar uma série que talvez seja interessante. Anotei a dica.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
  10. Apesar de não ligar muito na quantidade de livros que uma série tem, este eu não vou ler, pelo menos no momento. Quem sabe quando vários volumes já estiverem disponíveis, mudo de ideia.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Oi!

    Conheço bem pouco da religião, mas o pouco que conheci e li sobre achei bem interessante. Eu leria o livro principalmente por isso, para conhecer um pouco mais, mas ao saber que são 15 volumes, me deu certa preguiça, pois tenho fugido bastante de séries, principalmente as longas. Mas a capa é realmente bonita e delicada, eu lerei se tiver a oportunidade. Hehe.

    bjs =)

    ResponderExcluir
  12. Oi Kézia.
    Primeiramente fico feliz de conhecer alguém ligado a magia nesse universo literário, mesmo eu não sendo wiccana, fico feliz por conhecer outros pagãos no meio. Segundamente gostei de ver as tuas conclusões sobre a leitura, pois assim que vi o livro pela primeira vez eu fiquei curiosa em relação a ele, mas depois li algumas críticas ferrenhas ao modo que a magia foi tratada que acabei deixando minha curiosidade de lado, mas agora você conseguiu reacender essa chama.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Oi
    Adorei conhecer esse livro. Conheço algumas coisas sobre a Wicca, mas senti que esse livro aborda muito mais. Gostei de ver suas impressões e confirmar que o livro foi bem desenvolvido e as personagens cativam, sem falar na linguagem legal.
    A capa está linda e super atrativa.
    Dica anotada
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  14. Olá, não conhecia o livro e nem a religião wicca, então deve ser ótimo para você achar um livro que fale sobre a sua religião, a indentificação deve ter sido maravilhosa para você, mas infelizmente esse não é um assunto que me chame muito atenção, então irei passar a dica, beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem? Gente eu ainda não conhecia esse livro mais estou encantada pois ele tem tudo que admiro em uma obra a fantasia, o romance. E acho que è o primeiro livro que vejo falando um pouco sobre a Wicca no enredo de sua história.
    Com toda a certeza quero ler.
    BJ

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Eu vi esse livro por aí já, mas nunca parei para saber mais sobre ele, sabe? E agora lendo sua resenha fiquei um tanto curiosa. Achei bacana o livro aborda a Wicca e imagino que deve ser interessante acomoanhar a história, mais ainda para mim que não sei muito sobre e gostei de ver que a autora trabalha de forma direta. Enfim, é uma dica que vou marcar e espero ler algum dia.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Eu não conhecia o livro, mas fiquei muito curiosa para saber sobre a religião Wicca. Sinceramente nem sabia que existia. Eu gostei de Morgana e acho que com Cal a sua vida vai mudar. Gostei muito do enredo e assim que tiver oportunidade quero ler.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  18. Oie!!!
    Nossa 15 livros! Caramba! Quase pirei com uma série com 12 livros! Do fundi do coração espero que a série te prenda até o final.
    Amei a sua resenha. Dá para perceber o quanto você ficou empolgada com o livro cujo enredo em si não é novidade, mas se bem contada com certeza conquista!
    Espero que logo você consiga ler o volume 2!
    Bjinhos ;)
    Elaine M. Escovedo
    Caminhando Entre Livros
    Http://www.caminhandoentelivros.com.br

    ResponderExcluir
  19. Eu ainda não tive a oportunidade de fazer a leitura desse livro, mas espero poder gostar bastante da série, pois já vi ótimos comentários. Eu ainda não sei se pretendo ler uma série tão grande como essa, mas se valer a pena porque não né? Acho que tbm vai depender da história. Mas ao mesmo tempo eu acho que os autores deveriam se segurar um pouco, porque muitas vezes eles vão esticando desnecessariamente quando deveriam ter parado numa trilogia ou numa quadriologia. Mas vai saber né? rs

    ResponderExcluir
  20. Não sabia dessa série, mas pretendo ler mesmo que esteja fugindo de histórias que se arrastam por vários outros volumes. Não costumo ler livros sobre religião e ainda não tive contato com o tema Wicca, mesmo assim leria o livro pelo fato de ser uma leitura fácil e rápida, exceto o começo que você citou que é parado.

    ResponderExcluir