Light Grey Pointer Uma vida Literária : Filme: Sweeney Todd

28 de junho de 2016

Filme: Sweeney Todd

Hoje trago uma postagem sobre um dos meus filmes favoritos. Como é a primeira vez que posto sobre filmes, tinha que ser ele para a minha 'estréia', rs.
Sweeney Todd, o barbeiro demoníaco da rua Fleet; o título pode nos levar a acreditar que se trata de mais um filme de terror, com o estilo de Quentin Tarantino, em que o sangue e a "matança" predominam exageradamente, e acreditem, é exatamente isso que você vai ver se assisti-lo.
Mas não se assustem, mesmo abrangendo uma história "macabra", o filme não deixa de parecer cômico, ora pelas letras das músicas e pelo sangue surreal, ora pelos personagens, como o barbeiro Adolfo Pirelli, um rival de Todd.
Com o ar peculiar de Tim Burton, que mistura o cômico e o grotesco, uma história polêmica e repleta de suspense e situações inusitadas, surgiu este filme musical que conta com atores renomados e suas vozes reais para as canções, fazendo com que alguns dos que participaram frequentassem aulas de canto, como foi o caso de Helena Boham Carteer, a Senhora Lovett no filme e ex-esposa de Tim Burton.
As músicas do filme são todas bem elaboradas, com a finalidade de dar ênfase á cena e aos sentimentos das personagens e valorizar o drama da história.


Sinopse


Benjamin Barker (Johnny Depp) era um barbeiro habilidoso que levava uma vida feliz ao lado de sua esposa Lucy e a filha Johanna, ainda um bebê na época.
Certo dia, Turpin (Alan Rickman), o renomado e temido juiz da cidade se depara com a esposa de Barker, ficando totalmente encantado por ela e decidido a conquistá-la. Para tirá-la do marido, o Juiz Turpin incrimina Barker por um crime que ele não cometeu, o sentenciando a realizar trabalhos forçados na Austrália durante quinze anos.
Quando Barker consegue voltar a cidade com a ajuda do marinheiro Anthony (Jamie Campbell Bowe), ele ainda tem esperanças de encontrar a esposa e a filha, mas essa esperança cessa assim que ele retorna a antiga casa, localizada na rua Fleet , acima da loja de tortas da Senhora Lovett ( Helenna Boham Carter). 
Ele é surpreendido com a notícia de que, por mais que Lucy tentasse escapar de seus cortejos, o Juiz Turpin acabou abusando dela inúmeras vezes e está criando a filha de Barker com más intenções. É informado também que sozinha e sem conseguir lidar com a gravidade de sua situação, Lucy suicidou-se.
Algo muda dentro de Benjamin Barker neste momento, dominado pelo ódio e sedento por vingança, ele começa a pensar em formas de acabar com a vida do Juiz. Ele reabre a sua barbearia e passa a atender pelo nome de Sweeney Todd, jurando matar todos os que aparecem por lá até que consiga chegar ao pescoço do juiz.
Senhora Lovett, apaixonada por Sweeney, acaba tornando-se sua cúmplice e ambos tão parecidos em sua psicopatia, acabam tomando decisões que transformam o que era conhecida como "A pior loja de tortas de Londres" em uma das mais procuradas pelos clientes.
Ao mesmo tempo destes acontecimentos, o marinheiro Anthony, está caminhando pela cidade quando se depara com a enorme casa do juiz. Ele vê uma garota na janela e se apaixona imediatamente por ela, sem ter a menor consciência de que ela é Johanna, a filha do barbeiro que ele ajudou. 
Como Antonhy não conhece ninguém na cidade, ele vai até a barbearia e pede a ajuda de Todd para salvar a garota.

"E assim a trama está armada. Todd quer matar o juiz e salvar a filha. Anthony quer salvar sua amada e fugir. A Senhora Lovett ama Todd e quer se casar com ele, e o juiz Turpin quer se casar com a filha do barbeiro."  Cassius Medauar.

Adaptação para as telonas

O filme é uma adaptação de uma peça teatral escrita por Christopher Bond, em 1973. Em 1980, Stephen Sondheim adaptou a peça para um musical, e Burton o assistiu inúmeras vezes. Quando Tim se tornou um diretor famoso, ele procurou Stephen dizendo querer transformar a peça em um filme, porém inicialmente, esta ideia não foi muito adiante.
Somente alguns anos depois, Burton conseguiu ser contratado para dirigir um filme no lugar de Sam Mendes, e com a ajuda de John Logan, reescreveram o roteiro de Sweeney Todd.
Se você já viu algum filme de Tim, só de assistir algumas cenas de Sweeney Todd, já se pode ter a ideia de quem o dirigiu. Os elementos "burtonianos" que sempre vemos em seus filmes, são facilmente reconhecidos.

Trailer do filme





Informações 

Lançamento: 2008
Duração: 1h56 minutos
Diretor: Tim Burton
Distribuidora: Warner Bros

Não sei o motivo certo por ser totalmente apaixonada por este filme, talvez seja por ser uma grande fã de todos os trabalhos do Burton. 
Ele pode parecer assustador, mas é como se estivéssemos assistindo a uma peça teatral de Tim Burton e não a um de seus filmes, tudo parece ser muito cômico, apesar do enredo. A dramatização da história é impecável e Tim foi cuidadoso na escolha de expressões faciais das personagens, fazendo com o que drama real esteja nas letras das músicas e não unicamente no rosto dos atores. É um filme que eu recomendo muito, e pode acreditar, o sangue é tão surreal que nem dá medo, rs.

26 comentários:

  1. Oi Késsia,
    Que bom que você gostou do filme. Confesso que tinha muitas expectativas, porém quando fui assistir não gostei nem um pouco, talvez estivesse esperando outra coisa. Tambem sou apaixonada pelos trabalhos de Burton, mas com esse não rolou para mim.

    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Já assisti esse filme a um bom tempo atrás mas não gostei muito, achei meio chato, ms gosto é uma coisa pessoal que entendo o porque de você ter gostado.
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Eu não conhecia o filme mas só de ter o Johnny Depp eu já fico curiosa e com certeza a veia cômica desse filme deve ser muito boa. A premissa não me desperta muito interesse mas como fiquei curiosa eu pretendo assistir para ver no que vai dar.

    ResponderExcluir
  4. Não sei embaixo de que pedra me escondi, mas ainda não sabia da existência deste filme. Adoro a parceria do Deep com Burton e acho que vou curtir o filme, apesar de ter achado um pouco bizarra a trama.
    Valeu pela dica.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Esse é um daqueles filmes que tem tudo que gosto. Sombrio, ótimo diretor, enredo e atores. A única coisa que não me atrai muito muito é o fato de ser um musical, não gosto. Mas esse filme é tão bom, que isso não me incomodou. Não vou te dizer que é o meu filme preferido, mas é um dos que mais gosto, sem dúvidas.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    ResponderExcluir
  6. Oiee ^^
    Eu me lembro vagamente deste filme... Acho que devia ter uns 11 ou 12 anos quando o vi com minha irmã (mesmo sendo para maiores de não sei quantos anos...hehe' #culpada), e recordo de algumas cenas, mas não do filme todo. Ando curiosa para revê-lo, principalmente depois de ver a sua postagem, que me lembrou dele, pois eu tinha esquecido...hehe' O Depp é incrível, né? Ele é um dos meus atores favoritos, e eu também gosto muito do Tim.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Késsia,
    nunca assisti nada do Burton, pois suas obras não fazem muito meu estilo, mas que bom que gostou tanto, acredito que deve ser um prato cheio para os fãs, de tudo só reconheço o Depp, que por sinal arrasa em suas interpretações, não é mesmo?

    Abçs
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
  8. Também sou fã dos trabalhos de Burton e da atuação do Deep. Acho que quando eles se juntam, a fórmula é tão boa que o filme sempre agrada. Esse em especial eu vi somente uma parte, tive que parar de ver na metade para ir correndo a um hospital (na época) e n sei pq ainda n terminei. Que estranho... Hum... Acho que vou aproveitar melhor meu final de semana... ;) beijo! Nu.
    As 1001 Nuccias | Curte aí!

    ResponderExcluir
  9. Oii!
    Gosto muito dos filmes do Burtn e Deep é incrível! Nossa que ator maravilhoso <3 Gostei bastante do filme, vi faz bastante tempo. Até que curti, mas não achei que foi o melhor trabalho dos dois!

    Beijão!
    Vem conhecer o meu cantinho ♥
    http://cantinhodosrabiscos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Esse filme já está na minhas lista há algum tempo.
    Também amo os filmes de Burton + Depp <3
    Bom saber que ele não é assustador, e um tanto quanto cômico, mesmo com o enredo.
    Assim que possível, assistirei!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  11. Olá Késsia,
    Fico feliz por saber que você gostou do filme. Já assisti, mas não é um dos meus filmes favoritos, apesar de achar essa questão de assustador e cômico juntos uma coisa interessante.
    Apesar de já ter visto, não sabia que era uma adaptação de uma peça teatral.
    Vou rever o filme e ver se curto mais, pois sua postagem me encantou.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  12. Oi Késsia, tudo bem?
    Apesar de gostar muito das adaptações do Tim Burton e da atuação do johnny Depp eu ainda não tinha tido vontade suficiente de assistir esse filme, não sei ao certo o motivo, vi o trailer várias vezes, mas não me instigou muito a assistir. Após ler sua resenha surgiu o interesse, pelo fato de você ter explicado tão bem o que se passa no filme e o fato de ser originário de um peça teatral, me chamou a atenção para vê-lo. Espero que goste tanto quanto você.
    Beijos
    Um Rascunho a Mais

    ResponderExcluir
  13. Oiee, tudo bem? Seu primeiro post sobre filmes ficou ótimo! Adorei saber tua opinião sobre esse! Só por ter citado Quentin Tarantino você já me ganhou! hahahah Eu também gosto bastante do Burton, e do Depp!! Então é quase certo que irei amar! Agora só me resta assistir...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Não poderia escolher filme melhor para seu primeiro post! Eu lembro que assisti Sweeney Todd há muito tempo atrás e fiquei simplesmente encantada pela trama e foi com ele que me apaixonei pela direção de Tim Burton. Você soube expressar bem sua opinião sobre o filme e me deixou até com vontade de assistir de novo hahaha
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
  15. Agora sim encontrei algo que comentarei com gosto! Já tive s oportunidade de assistir o filme e tenho que dizer que o casal da trama é um dos mais marcantes que já vi. Interpretados por dois atores que eu admiro muito o trabalho! Esses dias, vendo o último capítulo da sexta temporada de GOT, lembrei das tortas feitas de carne... Kkkkkkkkk Eita!
    Vou indicar sua resenha para alguns amigos!
    Grande abraço e sucesso... Filipe Penasso - Pena Pensante

    ResponderExcluir
  16. Ainda não vi o filme, mas fiquei bem interessada com todas essas reviravoltas, com um casal que parece convencer muito o telespectador, fico feliz de saber que não da medo, assim consigo dar uma chance para uma adaptação de Tim Burton

    ResponderExcluir
  17. Oie, que bacana, eu nunca tinha ouvido falar nesse livro mas já amei a dica. Adorei essa mistura de cômico e terror e já fiquei bem curiosa para saber como tudo termina e como eles tornaram essa loja de tortas em algo tão atraente.

    ResponderExcluir
  18. Oi, Késsia

    Ao contrário de você, não curto os trabalhos do Burton. Sou daquelas que curtem o "menos é mais", e as produções dele são muito megalomaníacas pro meu gosto. Mas eu assistiria ao filme pelo Jhonny! hahaha

    Beijo

    ResponderExcluir
  19. Oi, tudo bom?

    Ainda não conhecia esse filme, a historia parece ser bem bizarra, né? Mas vou adiciona-lo a minha lista de filmes para ver nas ferias. Espero novas dicas de filmes.

    Abs,
    http://perdidoemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bom?

    Adoro Tim Burton e, consequentemente, adoro esse filme. EU até tenho uma coleção de DVDs do diretor, mas justo a dessa obra, emprestei e não vi a cara depois :( O que é horrível, pois eu adoro musicais e o Tim arrasou nesse. SPOILER: uma característica do filme que eu amei foi não ter um "final feliz", sabe? Acabo na morte de várias pessoas e pronto, rs.

    Fiquei sabendo há pouco tempo que na verdade era uma peça de teatro, pois nem consigo imaginar como seria, rs. Porém as atuações ficaram incríveis e as músicas também.

    Enfim, obrigada pela dica mesmo assim, fiquei com vontade de rever ;)

    Beijos.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que não costumo ver filmes, mas fiquei curiosa com esse, ainda não conhecia ele e achei bem interessante toda essa coisa de musical meio macabro e tudo o mais, e pela sua crítica deu para perceber que é uma história bem desenvolvida com personagens bons, por isso vou marcar a dica.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  22. Ola Kécia lindona eu adoro todos filmes do lindo Depp, suas atuações são sempre impecáveis misturado a grandeza do Tim está o resultado mais um grande sucesso, já assisti e gostei muito, pretendo rever em breve. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  23. Oi Késsia, tudo bem?
    Eu assisti esse filme há muitos anos atrás e confesso que nem me recordava muito bem dele e adorei ver a sua crítica, o filme é realmente maravilhoso e já me deixou bem curiosa para assisti-lo novamente. Adorei e com certeza irei assistir o quanto antes!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  24. Olá! Não conhecia a adaptação, mas quando vi que Johnny Depp estava entre o elenco de atores, fiquei bem empolgada. No entanto fui desanimando conforme lia a resenha. Seus comentários estão ótimos e você detalhou muito bem a trama. O que não me chamou a atenção foi justamente o enredo, com essa mistura de coisas, e o que mais me faz querer não assistir ao filme é a parte do gênero musical. De qualquer forma, é uma ótima indicação para quem curte esse tipo de filme e para os fãs da parceria Burton\Depp.

    Beijos,
    Fernanda Goulart.

    ResponderExcluir
  25. Oi, tudo bem?
    Olha, eu não sabia que esse filme havido sido adaptado de uma peça teatral, achei muito interessante mesmo é gostei ainda mais de você ter trago isso.
    Eu conheço o filme pela única causa evidente: Johnny Depp é o amor da minha vida. Hahaha
    Eu gosto bastante da história, por nenhum motivo aparente também. Só sei que já assisti diversas vezes e lendo sua matéria já deu até vontade de ver de novo.

    Obrigada por me despertar isso. Hahaha'
    Linda sua matéria, gostei demais. ❤❤

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9¾

    ResponderExcluir
  26. Oi, não conhecia o filme mas acho que daria um ótimo livro rs. Me interessei muito pra assistir, fiquei com um certo medinho mas como esse não parece ser o foco do filme não é nada que me impeça de ver. Vou dar uma chance.
    Beijos!

    ResponderExcluir